sábado, 4 de fevereiro de 2012

VIDA NOVA, NOVO BLOG: como tudo começou!

Hoje resolvi mudar o estilo do meu blog. Inspirada no testemunho de Jeanne Guedes (jeanneguedes.blogspot.com/ sobre o o milagre que Deus operou na vida dela (Vitor, seu filho amado!), resolvi narrar a trajetória que estou pecorrendo neste momento de receber a promessa de Deus na minha vida, que também será um filho, um sacerdote do Senhor. Bom, vou contar a história do começo... mas deixo claro que esse blog deixou de ser "intelectual" e passou a ser "cut-cut" a partir de hoje! ahushauhushas... A história é o seguinte:

Um pastor de longe esteve pregando na minha igreja, durante o culto, desceu do púpto e foi lá no cantinho do notebook onde eu e kleidson estávamos, ele falou:

"Deus me mostrou uma coisa se movimentando no seu ventre, e Ele me disse que isso era um Filho, um menino bonito, saudável, um menino que será sacerdote do Senhor e por isso Ele disse que é o tempo de Deus agora pra esse filho nascer. Não se preocupe porque o Senhor já está abrindo porta de emprego pra aumentar o salário na sua casa e até na sua família Ele já está fazendo mudanças, haverá toda uma reestruturação pra esse filho chegar. Recebam essa palavra e não teham medo, é benção do Senhor na vida de vocês."

Depois de receber essa profecia eu fiquei até com medo de falar amém... rsrsrs... Nós não pretendiamos ter filhos tão cedo! kleidson ainda não entrou na faculdade e eu estava saindo da graduação com intenção de ir diretinho pro mestrado... Estamos estudando ainda... Por isso eu e kleidson ficamos inseguros, e também não entendemos se Deus quis dizer que eu já estava grávida ou se Ele queria que eu engravidasse. Pq se eu já estivesse grávida, beleza, a profecia já estava encaminhada. Mas e se eu tivesse que engravidar? Faria o que, pararia de usar o anticoncepcional?

Kleidson queria esperar a porta de emprego sair primeiro, depois ele deixaria eu engravidar. Dizia ele que isso seria uma confirmação. Eu já pensava que estaria impondo condições à Deus pra receber a profecia. "- Olha Deus, eu até terei esse filho, mas só se vc me der o emprego primeiro..." . Eu tinha medo de perder a benção por incredulidade. Recebemos uma profecia bonita como essa, eu sempre sonhei ter um menino, e a profecia já veio completa, pq contemplou um emprego melhor e uma reestruturação na família, e mesmo com tanta benção estávamos reclamando? Me parecia muita falta de fé. Aí eu e Kleidson ficamos nesse embate: eu queria cair de cabeça na profecia, confiar plenamente em Deus e ter esse filho acreditando que o emprego virá e a estrutura familiar estará prontinha, conforme disse a profecia. Já o kleidson, acreditava que temos que dar tempo ao tempo, sentar e esperar, se for de Deus, o neném viria independente de eu cortar o uso do remédio, e o emprego teria que sair primeiro, como confirmação.

Bom, este foi um primeiro post com a história incial... como recebemos a profecia... como ficamos inseguros... no próximo post: conto como as coisas se encaminharam.



OREMOS!

4 comentários:

  1. Olá, Danielly! Conheci sua história hoje e estarei seguindo seu blog! Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Nossa muito legal tua história...
    Ah e vc nao é gorda tah... muda de médico que este nao tah com nada..

    Busque os planos de Deus... bjinhusss

    ResponderExcluir
  3. Oi Dany... Ja tento ha 11 meses engravidar e estou terminando um mestrado. Me identifiquei tanto com sua historia! Ainda mais porque, no meio disso td, descobri que tenho ovário multifolicular (os óculos nao desenvolvem) e meu marido tbem tem questões no esperma, mas é mais leve. Os médicos dizem que podemos engravidar, mas talvez demore. Quando eu entrei no mestrado, eu tinha vontade de engravidar. Mas segurei para poder terminar e, agora, no fim, nao vejo a hora de conseguir logo essa bençao. Ja foram muitos testes gastos, tirinhas de ovulação, e ate remédio para ovular... Mas estou com vc: tenho de esperar o tempo de Deus n minha vida. É só isso! ��

    ResponderExcluir